Pós-graduação pode aumentar o salário em 50% no Brasil, diz pesquisa da Catho

Pesquisa Salarial e de Benefícios divulgada pelo site de empregos Catho mostra que profissionais com especialização ganham cerca de 50% mais que trabalhadores que possuem apenas o Ensino Superior. Com um cenário econômico ainda instável e um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, o aperfeiçoamento constante é uma das maneiras de se manter colocado e elevar a remuneração.

Segundo o levantamento, profissionais com cursos de especialização ou MBA têm seu salário elevado em 50,17%. Para os que possuem mestrado ou doutorado, essa alta é de 50,81%. Uma pós-graduação aumenta também as chances de ser contratado, já que os recrutadores optam por indivíduos mais qualificados para as entrevistas. A primeira oportunidade para fazer o marketing pessoal é através de suas formações acadêmicas, que serão avaliadas na etapa da triagem de currículos.

Na hora de escolher um curso de pós-graduação, é importante prezar pela qualidade da instituição. A estrutura da faculdade e a formação do corpo docente são informações muito relevantes e devem ser usadas como guia ao optar por um curso. A ideia é que a especialização complemente a sua formação inicial e ajude na obtenção de competências desejadas pelo mercado na sua área.

Para a professora Mestre Rosa Maria Maia, advogada e psicóloga, especialista em gestão de pessoas e coach, um profissional com pós-graduação é olhado de forma diferenciada pelos recrutadores. “As especializações são formas rápidas e funcionais de colocar profissionais qualificados no mercado de trabalho. É uma roupagem diferente e é muito bem vista pelas equipes de seleção”, diz Rosa Maria.

Sobre a duração do curso, a especialista diz que geralmente fica entre um e dois anos: “Depende muito da modalidade do curso. As especializações costumam ter duração mais curta; o MBA, mais voltado para cargos de gerência, leva mais tempo”.

Para quem está em dúvida sobre conciliar trabalho e estudo, Rosa Maria diz que é necessário otimizar o tempo. “Se o que você tem é o horário de almoço, use o horário de almoço para ler a matéria. Os finais de semana também podem ser aproveitados para colocar a leitura em dia”, diz a professora. “Qualquer tempo livre pode ser usado para se aperfeiçoar. Depende do que o estudante deseja. Tem que ter foco”, garante Rosa.

A psicóloga garante que cursar uma pós-graduação muda o cotidiano de um profissional: “Nas aulas há muitas dinâmicas. Os professores trazem para a sala situações que os alunos irão viver nas empresas. Quem se especializa realmente sai na frente”.

Já deu uma olhada em nossas especializações? Clique aqui e confira!

Gostou? Compartilhe!
error20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *