7 dicas para conciliar trabalho e estudo na pós-graduação

Para muitos, a ideia de voltar para a faculdade e buscar capacitação enquanto trabalha em empregos de tempo integral pode ser assustadora. Administrar, simultaneamente, a sua vida profissional e acadêmica requer um bom nível de planejamento e priorização.

Agora que você já escolheu um curso de pós-graduação para cursar — e sabe qual instituição de ensino atende melhor às suas necessidades — é hora de aprender a administrar trabalho e estudo.

Continue a leitura e confira 7 dicas para ser bem-sucedido nessa empreitada!

1. Aprenda a priorizar os estudos
Você quer que a sua pós-graduação valha cada centavo, não é mesmo? Então é vital colocar a sua formação acadêmica em primeiro lugar.

É claro que não é preciso deixar seu emprego de lado para isso. Mas, se você tem uma tarefa para terminar ou uma prova para a qual precisa estudar, nada de se comprometer com hora extra no trabalho. Seu foco deve estar na capacitação. Tenha a certeza de que isso valerá a pena no futuro.

Informe aos seus chefes que você escolheu fazer uma pós-graduação. Eles, provavelmente, serão compreensivos com o fato de que você deve se dedicar um pouco mais aos estudos. Se for preciso, reforce como esse investimento será positivo para a empresa — que ganha um profissional cada vez mais habilidoso em suas tarefas.

2. Crie estratégias para gerir seu tempo
Quando você tem um trabalho em tempo integral e uma pós-graduação para concluir é importante aprender a lidar com qualquer tempo livre disponível. É provável que você tenha uma escala de trabalho bem definida e possa acomodar algumas horas de estudo em torno dela.

Um curso a distância pode trazer mais comodidade e acelerar seu desenvolvimento acadêmico. Isso acontece porque aulas a distância podem ser feitas no ritmo de cada aluno — e não precisam conflitar com sua agenda de trabalho.

De toda forma, procure montar um cronograma de estudos. Já falamos sobre como criá-los aqui no blog, mas o segredo é ser realista. Um cronograma vai ajudá-lo a se manter focado ao longo do semestre. Analise quantas horas você tem disponível para estudar ao longo da semana e tente fazer o máximo possível com elas.

3. Encontre o local de estudos ideal
Estudar enquanto trabalha é complicado porque nunca parece que o dia tem horas suficientes para dar conta de todas as tarefas — acadêmicas, profissionais e pessoais.

Mas agora que você já montou um cronograma e sabe de quanto tempo dispõe para se dedicar às suas atividades, o importante é lidar com outro problema. Conseguir um espaço tranquilo para realizar leituras e outras tarefas acadêmicas será um fator determinante para o seu sucesso.

Além de separar um local de estudos em casa, você deve conseguir maximizar a sua produtividade também no trabalho. Fale com seu chefe e pergunte se pode usar a sala de reunião durante o horário do almoço para adiantar parte de sua carga horária. Assim, você consegue encaixar mais horas de estudo no seu dia a dia.

4. Descubra a melhor hora para estudar
De pouco adianta estudar nos momentos em que você está cansado. É que nossos cérebros funcionam melhor se temos uma boa noite de sono, nos alimentamos adequadamente e estamos tranquilos. Isso não significa que você precisa estudar logo quando acorda.

O corpo de cada um funciona de maneira diferente. Alguns são mais produtivos depois do trabalho, enquanto outros têm maior facilidade de concentração ao longo do dia. Você deve descobrir em quais horários funciona melhor e encaixar horas de estudo ali.

Talvez seja necessário acordar um pouco mais cedo, ou levar parte de seu material didático no transporte. Não há uma fórmula mágica que funciona da mesma maneira com todos.

Portanto, tenha disciplina e estabeleça o compromisso de estudar sempre no mesmo horário. O cérebro gosta de rotina — e essa repetição de horários funciona melhor do que quando precisamos adaptar um ritmo diferente em cada semana.

5. Encontre a sua motivação
A melhor maneira de conseguir conciliar trabalho e estudo é procurando a sua motivação. Por que você decidiu fazer uma pós-graduação? São os melhores salários ou a capacitação extra que o motivam?

Tenha consciência disso e tente se lembrar com frequência do que fez com que você optasse pela pós-graduação.

Manter-se motivado é lembrar o que você espera ganhar com a nova qualificação. Isso é fundamental para conseguir administrar as outras dicas que separamos aqui.

6. Conte com a ajuda da tecnologia
Você provavelmente adora a tecnologia e tudo que ela faz para deixar nossas vidas mais simples. Por que não utilizá-la também na hora de estudar?

Aplicativos como o RescueTime evitam que você perca tempo em redes sociais e sites de notícias enquanto deveria estudar. Ferramentas como a técnica Pomodoro e o TomatoID ajudam a separar seu tempo de trabalho e de descanso, além de quantificar melhor os seus esforços.

Já apps como o Evernote ajudam a levar seu caderno de anotações para qualquer lugar, além de salvar links, PDFs e imagens úteis para pesquisas e estudos.

 

7. Prepare-se para recusar alguns convites
Se você quer conciliar trabalho e vida profissional deverá estar disposto a fazer alguns sacrifícios. Quando estamos estudando, é imprescindível aprender a dizer não para amigos, familiares e até mesmo para o seu chefe e colegas de trabalho.

Se estiver próximo de exames, principalmente, prepare-se para recusar alguns convites, tanto em casa quanto na empresa.

Fonte: www.blog.institutoprosaber.com.br

 

Gostou? Compartilhe!
error20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *